Notícias Fecomercio

8 de março de 2018

Aumento de produtividade no Brasil pode gerar crescimento de 4,4% ao ano, diz Banco Mundial


Trabalhador médio brasileiro é 17% mais produtivo do que há 20 anos, enquanto valor é de 34% em países de alta renda

Os relatórios divulgados nesta quarta-feira (7) pelo Banco Mundial apontam que o Brasil precisa melhorar a produtividade para que volte a crescer. Caso mantenha a taxa atual, o Brasil terá crescimento restrito a 1,8% ao ano. Porém, com a melhor na produtividade, o País alcançaria a taxa de 4,4% ao ano, segundo os estudos.

A produtividade é um indicador de eficiência técnica que mostra como as empresas, indústrias, setores ou o país transforma insumos medidos na produção de bens e serviços. A produtividade do trabalho no Brasil têm aumentado 0,7% ao ano desde a década de 90 e o crescimento total dos fatores está em declínio.

De acordo com o Banco Mundial, um trabalhador médio no Brasil é apenas 17% mais produtivo do que há 20 anos. Já para os trabalhadores médios nos países de alta renda, o aumento no mesmo período foi de 34%.

Voltar para Notícias